quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Salto com varas





Este post é dedicado a um esporte exemplo sobre o teorema da conservação da energia mecânica, o salto com varas.

O salto com varas é um esporte que exige bastante técnica, força, habilidade e conhecimentos físicos. Para projetar o corpo por cima da barra, é necessário que o atleta corra com a vara e adquira velocidade suficiente para transformar a corrida em um salto.

O salto com vara pode se dividir em quatro fases que o atleta realize com proeza o melhor salto possível.

1 -    Corrida de aproximação: é o momento que o atleta deve alcançar a maior velocidade possível para conseguir a maior energia cinética.

                                                                                                                                                                                             

--    Hora da impulsão: quando a vara toca no chão, toda a energia cinética é transformada em energia potencial gravitacional. Quanto maior a energia cinética acumulada na corrida, mais alto será o salto.

                                         

   -    Transposição da barra e queda:  em uma série de movimentos coreografados, o atleta gira o quadril para passar da barra e cair sentado no colchão.

                                     

"O salto com varas é o balé do atlestismo" Vitaly Petrov, técnico dos recordistas mundiais Sergey Bubka (6,15m) e Yelena Isinbayeva (5,06m).

                           

Por: Diego Sampaio

Fontes:







Um comentário:

  1. fabiana murer vacilu viu. "a culpa é do vento" kkkkkkk

    ResponderExcluir